Transportadora - Coleta e Envio

Essa situação de caos nos Correios abriu um ótimo nicho para as transportadoras, porém, sinto que muitas delas, ou as poucas que perceberam essa oportunidade, ainda não conhecem a realidade do e-commerce no Brasil. Recebo diariamente emails mkt e outros materiais informativos de empresas que prometem ser “a solução do envio e transporte de encomendas para o e-commerce das pequenas e médias empresas”, com facilidades e vantagens mil. Respondendo à esse apelo, e por estar em busca de uma solução para as minhas entregas, entrei em contato com a jadlog e também com a Total Express, ambas oferecem soluções para as “pequenas e médias”.

O problema proposto foi: preciso de um serviço que entregue meus produtos a partir de Curitiba para diversas regiões do Brasil. Minhas remessas diárias estão entre 5 a 15 volumes/dia, embaladas em caixas padrão sedex ou com medida máxima de 40x40x40, com um ticket médio de X Reais.

Aproveitando o ditado “na prática a teoria é outra”, na Total Express, o “pequeno e médio” e-commerce que ela se propõe a atender de fato precisa se enquadrar no seguinte perfil: postagens regulares com franquia mínima de 50 pedidos/dia, prestação de serviços mediante contrato e mais algumas condições que justifiquem a coleta. Entendendo como regulares 3x na semana, seriam em média 600 pedidos/mês. Para mim seria ótimo 600 pedidos/mês, mas infelizmente não é a realidade. Posso estar enganado, mas também não parece ser a de muitos empreendedores.

A jadlog passou a impressão de que nem todos na empresa estão alinhados com essa proposta da transportadora. O site oferece uma coisa, o comercial responde com outra completamente diferente e não se chega a lugar algum, o que é um problema para uma empresa de transportes.
A resposta da jadlog foi: não fazemos transporte nesse perfil. Trabalhamos apenas com cargas fracionadas padrão 60x60x60 até 120kg por volume, embalados de fábrica e que possuam nota fiscal.

Ou seja, entre outras coisas, ao me enquadrar como “muito pequeno” ou “minúsculo” para o perfil, ela já deduziu que eu sequer emito nota fiscal. Como se essa categoria usasse o e-commerce como um bico e vivesse à margem da lei. Achei um pouco preconceituoso com a classe, não vendo sem nota, não compro sem nota. De qualquer forma, comete a mesma falha que a total express, vende um serviço que não atende.

Enfim, com essa brecha aberta pelos Correios, o e-commerce dos pequenos e médios é um filão para essas empresas de transporte, uma excelente oportunidade de negócios, mas elas precisam entender que se quiserem esse mercado, elas é que terão de se ajustar ao perfil do cliente e não o contrário.

Se alguém souber de transportadoras que atendam, efetivamente, esse perfil de público, agradeço a dica.

1 Curtida

Me chame no zap 37 99772464

JadLog muda MUITO em cada unidade, isso porque ela é uma espécie de “juntada” de transportadoras menores que usam o sistema unificado da JadLog. Tem unidades que se desdobram para atender bem, outras que são péssimas.
E sim, imagino que a grande maioria das transportadoras tenha interesse em atender e-commerce maior em termos de volume. Normalmente plataformas grátis ou baratas como a Loja Integrada são usadas por lojas menores, com menos vendas ou com valor de envio bem menor. Eu sempre tento oferecer outras opções de frete mas, ao fim e ao cabo, a única que ainda pega o “mico” da empresa pequena são os Correios.