Plágio é crime. Dá cadeia e multa

Boa tarde senhores…

Para quem trabalha com produção artística, no ramo de papelaria, moda, e entre outros, tem-se um receio constante que algum palhaço esteja lucrando em cima do nosso suor e criatividade.
Eu, pessoalmente, já esperava por isto… Portanto, não preciso ficar louco de raiva. Mas tenho que proceder legalmente e educadamente, e esperar que o ‘dito cujo’ abandone a felicidade irreal da qual alimenta.
Caso contrário, posso usar de todas as ‘fodações fodásticas’ legais e jurídicas para foder ainda mais quem já anda fodido nesta nada mole vida. É ou não é verdade?

Gente… o nosso precioso ‘óleo’ anda vazando embaixo do motor Google… Ali, as imagens de todos os nossos produtos estão expostos e sem proteção.
E agora? Como resolvemos este vazamento? Alguém sabe resolver isto?
Suporte LI, por favor, atenda-nos neste caso específico.
Aguardo, também dos meus caros desta comunidade.

Bem, acho que a LI não tem nada com isso. Muito menos o Google (é só uma máquina de busca ). A exibição de imagens da sua loja seria uma “propaganda”.
Ainda mais, uma imagem não precisa estar num resultado de pesquisa para que eu possa “rouba-la”, basta eu clicar sobre ela em sua loja e, após isso, aperta a teclar “PtrScr” (print screen) e cola-lá num editor de imagens.

É verdade, é muito fácil conseguirem o que estamos produzindo, mas infelizmente é isso que acontece.
O que pode ser feito é colocar marca d’água nas imagens e além disso colocá-las debaixo de direito autoral, registrar dizendo que é sua. Daí se vc achar sua imagem em outra loja, p ex, vc pode pedir para seu advogado redigir um documento exigindo que a pessoa retire a imagem da loja ou site.
Fora isso, não tem muito o que fazer. As nossas fotos ajudam o Google a achar nossos produtos e lojas, precisamos que ela caia na rede, senão seremos uma loja no deserto…
Quanto a LI fazer alguma coisa, acho que não tem nada a ver pq eles são uma plataforma que hospedam nossas lojas, não tem a obrigação de nos proteger… sei lá, eu penso assim… Abçs

Pois bem…
Concordo com os senhores que estamos vulneráveis tanto na própria LI como no Google e outros buscadores…
Só que tem um porém. Antes do LI, fui usuário de Magento, cuja plataforma é ‘incrivelmente diferenciada’. E lá sim, tinha um recurso opção de bloquear nossas imagens sugadas pelo Google.
Desisti do Magento, pois vivia na mão de um desenvolvedor. Ou seja, quando precisava de alguma alteração ou manutenção, tinha que parar tudo e esperar o sol nascer para ver alguma fumaça deste bendito desenvolvedor… E como ‘burro’ que sou, descobri num belo dia de um ‘tranquilo desespero’ uma plataforma amigável e com pontapé inicial gratuito. Pensei: "Meu Deus, achei uma bóia no meio do mar!"
O Magento é bom, mas a LI é brasileira. Prefiro os de casa, que fala a nossa língua e que torcem por nós.

Mais um porém: como a LI está em franco crescimento, e como ontem soube, por carta aberta do próprio fundador (acho que todos os lojistas receberam), o que me faz acreditar ainda mais nesta plataforma, é que a equipe LI tem condições e capacidade de nos atender nesta questão.
Só uma recurso de bloqueio de imagens (como opção, claro!) poderia nos deixar mais tranquilos.

E sim, aquele print screen é sempre inevitável. Mas aí, a briga fica por nossa conta e a LI fica desobrigada desta preocupação.

E vamos à luta. Feriado este, para mim é mais um dia de trabalho cujo lugar na sombra ainda, parece utopia. Sucesso a todos.

KJND,

Esquece sobre esse recurso e não esquenta a cabeça com imagem. Tenho conta no MercadoLivre é lá imagem é o mais que se copia. Você vai ficar louco pensando sobre isso. Foque no seu negócio no crescimento do mesmo.

Mas se deseja dar uma dificultada pode colocar uma marca d’água nas imagens.

1 Curtida

Acho que cabe uma sugestão para os desenvolvedores.